São João de Capistrano (Pregador)

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Santi Buglione - 1550

Los Angeles County Museum fo Art

 

João nasceu no dia 24 de junho de 1386, em Capistrano, província de Aquila, Abruzo, filho de um barão alemão e de mãe natural daquela cidade. Estudante em Perusia, formou-se e chegou a ser ótimo jurista, tanto que Ladislao de Durazzo o fez governador daquela cidade. Caiu prisioneiro dos Malatesta, sofreu uma crise religiosa e, em 1416 ,ingressou entre os Irmãos Menores. Na prisão havia meditado sobre a vaidade do mundo, como já havia feito o jovem Francisco. Já não queria voltar à vida mundana e, ao sair da prisão, ingressou na Ordem Franciscana, onde São Bernardino de Siena propunha, em nome de Jesus, a reforma para o retorno à primitiva observância da Regra.

Chegou a ser íntimo amigo do santo reformador, e mais: o defendeu aberta e vigorosamente quando, à causa da devoção ao nome de Jesus, o Santo de Siena foi acusado de heresia. Também tomou como emblema o monograma do nome de Jesus, como São Bernardino, e o levou em suas duras batalhas contra os hereges e infiéis. O Papa o nomeou inquisidor e o enviou como seu delegado à Àustria, Baviera e Polônia, onde crescia cada vez mais a heresia dos husitas.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Igreja dos Franciscanos de Cracóvia

 

Na Terra Santa promoveu a união dos armênios com Roma. Várias vezes foi Vigário Geral da observância; em 1430 propôs as constituições martinianas, chamadas assim em nome do papa Martino V, que são uma via intermediária entre o laxismo e o rigorismo, esperando deste modo conservar a unidade da família franciscana, o que foi inútil.

Onde fosse chamado para guiar, animar, combater, São João erguia a sua bandeira com o radiante estandarte em nome de Jesus, ou uma pesada cruz de madeira, e se lançava na disputa com firmeza e ardor. Sua atividade principal consistia na pregação e no apostolado em defesa da cristandade ameaçada pelos turcos e pelos hereges. Viajou incansavelmente por toda a Europa, teve contatos com várias personalidades tanto na Itália como no exterior. Em 1451, na Palestina, visitou os lugares santos da vida de Jesus, dos Apóstolos e de Maria.

 

 

Batalha de Belgrado - pintor húngaro, séc. XIX


Tinha 70 anos, quando em 1456 participou da batalha de Belgrado, quando a cidade foi invadida pelos turcos. Entrando entre as tropas combatentes, onde era mais incerta a sorte das armas, incitava aos cristãos a ter fé em nome de Jesus. Gritava: "Avançando ou retrocendo, golpeando ou sendo golpeado, invoquem o nome de Jesus. Só nele está a salvação e a vitória". Durante 11 dias e noites esteve sem abandonar o campo. Disciplinava militarmente suas tropas de terciários e cruzados. Esta seria a última batalha e sua última fulgurante vitória. Três meses depois, no dia 23 de outubro de 1456, morria em Vilak, próximo da moderna Stremoka Mitrovica (Iugoslávia), que no século IV foi sede de diversos concílios. Entregou a seus fiéis a cruz e o emblema do nome de Jesus que o havia servido ao extremo de suas forças.

 

Púlpito de São João

Catedral de Viena, séc. XVIII

Somos uma igreja com fé missionária e orante, que está disposta a agir conforme os dons do Espírito Santo.

"Eis que estou à porta e bato: se alguém ouvir a minha voz e abrir a porta, entrarei em sua casa e cearei com ele, e ele comigo."

Ap 3:20

(85) 3051-2309

 

Av. Bezerra Menezes, 1256 - São Gerardo - Fortaleza - Ceará

 

secretariapsg@outlook.com

pascomisgm@gmail.com

  • Google Places - Círculo preto
  • Google+ - Black Circle
  • Facebook - Black Circle
  • Twitter - Black Circle

© 2017 PASCOM SÃO GERARDO MAJELLA